terça-feira, 19 de julho de 2011

Lasanha de Camarão

Se cada pessoa se identifica com algum personagem animado, eu, definitivamente, sou o Garfield. Não só por detestar segunda-feira, mas porque sou fascinado por Lasanha.
A predileta é a bolonhesa, mas como minha mulher não agüenta mais essa lasanha, resolvi fazer uma diferente, mais nobre, de camarão.


Comecei pelo principal que é o molho: Primeiro puxei os camarões no azeite com sal e pimenta. Reservei os camarões e na mesma frigideira refoguei o alho, cebola e raspas de limão siciliano. Após, acrescentei o molho de tomate pelado e os tomates cerejas; deixei os sabores se unirem por um tempo e finalizei com salsinha e cebolinha.


Iniciei o a montagem da lasanha untando o refratário com manteiga e coloquei uma camada de massa (sempre uso Massita, pois para mim é a melhor).


Em seguida fui alternando a camada de massa com camada de recheio, mussarela e mussarela de búfala.

Depois de repetidas as camadas, levei ao forno para assar e gratinar. (uns 200 graus por uns 15 ou 20 min, dependendo da potência do forno.)


Olha que beleza!

Para acompanhar, a Decanter Vinhos me indicou um ótimo vinho, um Chianti Colli Senesi 2008, Produtor Cesani, da Toscana – San Gemignano, e como sempre a Decanter Vinhos acerta e fecha o prato com chave de ouro. #ficaadica
Sem rodeios e modéstia, ficou divina.

terça-feira, 5 de julho de 2011

Carré de Cordeiro com Purê de Batata Baroa

O prato de hoje surgiu através de uma conversa com o somelier da Decanter Vinhos. Estávamos conversando a respeito do prato a combinar com o vinho Francês Arrogant Frog – Pinot Noir 2009 – Sul da França. Chegamos a carne de cordeiro, que por ser de sabor forte e intenso precisa de um vinho que deixe o vinho completar as características do prato, sem que um sobressaia mais que o outro. O resultado foi melhor que o esperado, realmente ficou bem Arrogant.
Não deixem de provar esse vinho Francês, pois realmente é muito bom. Já o utilizei em outra receita na versão branco (Sauvignon Blanc – 2009) e ambos são excelentes.

Quanto ao carré de cordeiro, o preparo foi da seguinte forma: temperei com sal, pimenta e deixei marinando um pouco no vinho branco. Depois, selei na frigideira por uns 3 minutos de cada lado. Feito isso, levei ao forno na própria frigideira e deixei assando por uns 25, 30 minutos. Quando estava assada por fora, mas suculenta por dentro (meio rosada) coloquei por cima tomate seco e mussarela de búfalo, em seguida voltei ao forno para gratinar por 5 minutos.
 Modéstia parte, ficou sensacional !!!

Como acompanhamento, fiz um purê de batata inglesa com batata baroa (ou salsa). Cozinhei as duas em água e sal e depois fiz um purê, com auxílio do mixer para ficar bem liso e deixar bem cremoso. Ao final, acrescentei um pouco de manteiga, leite e queijo parmesão (grana padano).

Na montagem do prato coloquei o purê, por cima o carré de cordeiro e para complementar salada de rúcula.
Se ficou bom? Pergunte se sobrou algo...